Método exclusivo de tratamento dentário com sedação permite tratar a boca toda num único dia

Tratamento dentário sem dor.jpg
Tratamento dentário sem dor: numa única sessão de três horas, é possível realizar todos os procedimentos necessários.

Sabe aquela rotina de agendar consultas semanais no dentista para realizar os diversos procedimentos necessários nos seus dentes? Dependendo do tamanho do serviço planejado pelo seu dentista, este tratamento pode levar várias semanas ou até alguns meses. Pois saiba que você não precisa, obrigatoriamente, seguir esse padrão de atendimento. O exclusivo tratamento dentário com sedação, desenvolvido pela Cirurgiã-Dentista Dra. Valeska Roverso para atender pacientes que sofrem de pânico de dentista, pode também ser utilizado como uma opção interessante de tratamento rápido para quem não tem muito tempo para ir ao dentista.

32 dentes tratados em menos de três horas!

Em um único dia, num período de três horas, aproximadamente, que é o tempo que dura a sedação, a Dra. Valeska consegue realizar o tratamento dentário completo previsto – incluindo, por exemplo, canais, cáries, limpeza de gengiva e dos dentes, extrações, implantes e todos os procedimentos estéticos necessários. É um serviço chamado de “Spa Day” e que pode ser realizado por qualquer pessoa adulta, sem riscos à sua segurança. “Já tivemos casos de tratar até 32 dentes de um paciente numa única sessão com esse procedimento. Quando acordou da sedação, este paciente estava com uma boca completamente nova, com um sorriso totalmente harmonizado. Ele não acreditou no resultado e nos agradece até hoje por ter mudado sua vida”, explica a profissional.

Foi o caso, por exemplo, do paulistano Airton Ferreira, de 42 anos, que foi tratado pela Dra. Valeska em meados do ano passado. Ele chegou ao consultório com sérios problemas em todos os seus 32 dentes, com sua autoestima destruída e com muito medo de perder o emprego e a esposa. “A estética dos seus dentes estava completamente prejudicada. Ele nunca tinha feito um tratamento dentário por causa do seu pânico de dentista. Bastante danificados, seus dentes estavam repletos de bactérias, e isso tornava também o seu hálito muito ruim”, explica a profissional. Ele trabalhava com vendas, atendendo diretamente clientes, mas devido ao estado dos dentes foi deslocado para um trabalho interno. Seu supervisor informou que ele não poderia mais visitar clientes naquele estado, e isso acabou representando uma redução no seu salário. Foi quando ele resolveu recorrer ao tratamento oferecido pela Clínica Fast Odonto. Ao final do tratamento, feliz com o resultado, ele disse: “Dra. Valeska, você salvou minha vida em todos os sentidos”.

É mais confortável passar por vários tratamentos no mesmo dia sob sedação

O tratamento odontológico sob sedação é um sucesso também para quem não possui medo de dentista, mas não tem tempo de ir ao consultório toda semana ou mesmo para as pessoas que não residem em São Paulo e querem realizar na Clínica Fast Odonto o seu tratamento dentário. É praticamente inviável viajar toda semana para São Paulo para passar por uma consulta tradicional. Dependendo da distância, os custos de locomoção e até de hospedagem na capital paulista praticamente inviabilizariam o tratamento em São Paulo.

Mas seria possível realizar todos os procedimentos necessários numa única sessão de três horas sem o recurso da sedação? Tecnicamente, sim. De acordo com a Dra. Valeska, no entanto, nos casos mais complexos, nos quais vários procedimentos são realizados, é extremamente desconfortável para o paciente. “Seriam necessárias muitas anestesias em locais diferentes e é muito tempo com a boca aberta sob tensão e ansiedade. Com a sedação, eliminamos esse estresse no paciente”, explica a Cirurgiã-Dentista.

Procedimentos para ser atendido numa única sessão

Pacientes de fora de São Paulo que desejam realizar o tratamento odontológico completo numa única sessão, sob sedação, devem entrar em contato com a Dra. Valeska para agendar dia e horário do tratamento. Para receber um orçamento estimado por email, a pessoa precisará enviar fotos de todos os seus dentes e um Raio X panorâmico. “Sempre lembramos que esse orçamento estimado poderá ser alterado após o trabalho ser iniciado”, explica a Cirurgiã-Dentista. É necessário que a pessoa vá à consulta com um acompanhante.

Clínica Fast Odonto aparece na mídia como solução inovadora para a odontofobia

medo_de_dentista.jpg
Reportagem no Jornal G4P destaca método inovador de tratamento dentário com sedação criado pela Dra. Valeska Roverso.

A Clínica Fast Odonto, da Dra. Valeska Roverso Correa, apareceu no Jornal G4P, que atende o mercado imobiliário. A publicação circulou, neste último final de semana, no bairro do Santo Amaro, em São Paulo (SP), com tiragem de 100 mil exemplares. A reportagem mostra que o tratamento inovador desenvolvido pela Dra. Valeska é uma solução eficaz para atender pacientes que sofrem de pânico de dentista. Confira a matéria completa:

Tratamento dentário com sedação

Você sabia que algumas pessoas têm verdadeiro pânico de dentista?  O nome disso é odontofobia. Como a odontologia envolve tratamentos dolorosos e desconfortáveis, é normal que o pensamento de ir ao dentista traga uma reação um pouco negativa nas pessoas. Mesmo com a necessidade de anestesia, muitas pessoas ainda sentem um medo exagerado, pois na realidade o medo delas está relacionado às agulhas. Muitas vezes, esse medo é baseado em experiências negativas já ocorridas no passado.

Para atender este perfil de paciente, funciona pertinho de Santo Amaro a Clínica Fast Odonto, dirigida pela Cirurgiã-Dentista Dra. Valeska Roverso Correa. Ela é especialista em atendimento dentário com sedação. Com 25 anos de experiência na Odontologia e profundos conhecimentos em Farmacologia, Medicina e Psicologia, a Dra. Valeska desenvolveu um método inovador de atender pacientes que têm pânico de dentista.

Cada paciente, antes do tratamento, passa por uma entrevista na qual a Dra. Valeska avalia seu perfil psicológico e tenta entender a origem do seu pânico pelo tratamento dentário, considerando os problemas emocionais envolvidos. A partir daí, a profissional define o medicamento para sedação adequado. O efeito dessa medicação dura cerca de quatro horas. A maioria dos pacientes acaba adormecendo com o remédio, enquanto outros permanecem acordados, mas em um estado de inconsciência, no qual não sentem dor e ainda perdem a ansiedade que inviabiliza o tratamento dentário convencional.

Num tempo que varia de duas a três horas, ela realiza todos os procedimentos e tratamentos necessários – incluindo extrações, implantes e implantação de facetas de porcelana, por exemplo. O cliente sai do consultório com a boca nova, sem lembrar de nada, e por um custo muito acessível. O serviço de sedação do cliente custa menos de um terço do que o método tradicional encontrado em outras clínicas, que utilizam o óxido nitroso na forma gasosa para sedar os pacientes.

CONFIRA O JORNAL COMPLETO:
Jornal G4P

Tratamento dentário sob sedação da Dra. Valeska atrai pacientes até de outros países

valeska22.png
Medo de dentista: tratamento dentário com sedação da Dra. Valeska atrai pacientes até do Exterior

O exclusivo tratamento odontológico sob sedação, oferecido pela Cirurgiã-Dentista Dra. Valeska Roverso Correa, faz sucesso não apenas entre os paulistanos. Seu método inédito de tratamento dentário sem dor atende, com frequência, pacientes com pânico de dentista de outras cidades, estados e até países. Nos últimos 12 meses, por exemplo, cerca de 50 pacientes que vivem em outros países, especialmente nos Estados Unidos, foram tratados pela profissional. Seu trabalho também atrai pessoas da região Centro-Oeste do Brasil, do Rio de Janeiro, do Espírito Santo, do interior de São Paulo e de muitas cidades próximas da capital – como Jundiaí, Atibaia e Pindamonhangaba, entre muitas outras. “Desde 2017, já atendemos mais de 400 pacientes que não moram em São Paulo e vieram para cá exclusivamente para realizar um tratamento completo, passando por verdadeiras transformações em suas bocas”, explica a Dra. Valeska.

Clínica envia um orçamento preliminar pela internet

Os contatos iniciais desse público são feitos inicialmente pela internet, geralmente por meio da página da Clínica Fast Odonto no Facebook.  São pessoas que buscam informações sobre como funciona a sedação e o custo deste serviço e perguntam quais tratamentos podem ser realizados nessas condições. “Quando descobrem que podemos transformar sua boca inteira em duas a três horas, realizando todos os procedimentos necessários, eles não acreditam”, explica a Cirurgiã-Dentista. Os procedimentos incluem todos os tratamentos dentários – como implantes, canais, clareamentos, facetas e próteses, entre outros – e também procedimentos na face através da toxina botulínica e do ácido hialurônico. “Nosso foco é estudar a boca do paciente e aplicar de forma integrada um conjunto de procedimentos odontológicos para preservar e devolver aos seus dentes a sua integridade estrutural, funcional e estética e, ao mesmo tempo, promover uma harmonização do seu sorriso”, afirma a Dra. Valeska. Ainda pela internet, depois de analisar as fotos dos dentes e a radiografia panorâmica enviada pelo paciente, a profissional envia uma estimativa de orçamento para a pessoa. “Mas deixamos claro que esse orçamento pode ser alterado quando avaliarmos pessoalmente as condições dos dentes”, destaca.

Paciente norte-americana chora de emoção ao ver o bom resultado do seu tratamento estético

Um dos casos do Exterior mais emocionantes já enfrentados pela
Dra. Valeska foi o da jovem Aline Borges, de 29 anos, que morava nos Estados Unidos. Ela tinha um sorriso muito desproporcional e fora dos padrões normais. “Seu sorriso formava o que chamamos de ‘lábio duplo’, devido à posição torta do seu dente canino”, aponta a Dra. Valeska. Um aparelho ortodôntico convencional poderia colocar o dente no lugar e resolver o problema que a atormentava há anos, mas Aline estava com casamento marcado para dali há três meses e queria sair com um sorriso normal nas fotos. Não daria tempo do aparelho apresentar os resultados esperados. O desafio da Dra. Valeska, portanto, era resolver o “lábio duplo” rapidamente. A solução encontrada foi extrair aquele dente, o que imediatamente acabou com o “lábio duplo”. Para ocupar aquele espaço do dente extraído, a profissional trabalhou com resina, ampliando artificialmente o tamanho dos dois dentes vizinhos. Além disso, também com resina, ela moldou um dos dentes vizinhos no formato canino, deixando seu sorriso bonito e com uma aparência totalmente dentro dos padrões. “Quando acabei o trabalho, pedi para a paciente levantar e se olhar no espelho da parede. Ela sorriu e imediatamente começou a chorar, muito feliz e emocionada com o seu novo visual”, conta a profissional.

Em algumas situações, além da solução para o seu pânico de dentista, o paciente também busca resolver um problema que não conseguiu em outros dentistas pelo mundo. Foi o caso de Lilian Nakira, de 39 anos, que mora atualmente nas Ilhas Maldívias, mas que já viveu em diversos países do Primeiro Mundo, como Alemanha e Suíça. Anos atrás, um dos seus dentes frontais passou por um tratamento de canal e acabou escurecendo de dentro para fora, por conta de um material inadequado utilizado pelo seu dentista na época. Nenhum dentista dos países onde ela morou ao longo desses anos conseguiu devolver a este dente a sua cor natural. “Ela veio nos procurar sem muita esperança e nós conseguimos clarear novamente o dente dela, além de realizar diversos outros procedimentos”, diz a Dra. Valeska.

Dra. Valeska já corrigiu procedimentos inadequados realizados em outros países

O brasileiro Paulo Dutra, de 52 anos, que mora praticamente a vida toda nos Estados Unidos, também procurou a Dra. Valeska após se decepcionar com o trabalho estético realizado por um dentista norte-americano. “Os dentistas brasileiros estão entre os mais preparados do mundo nessa área. Temos um maior desenvolvimento técnico, preparatório e didático. Além disso, a demanda por esses serviços estéticos no Brasil, hoje em dia, é uma das maiores do planeta, o que torna os brasileiros muito exigentes com os resultados obtidos pelo dentista”, explica a profissional. No caso de Dutra, ele havia colocado oito próteses frontais de cerâmica na sua boca, mas elas ficaram muito grandes, num tamanho desproporcional ao restante dos dentes. “Ficou feio, estranho, e ele não conseguiu refazer o trabalho com o dentista norte-americano. Nós trocamos os oito dentes por novas próteses e o resultado ficou incrível”, lembra a Cirurgiã-Dentista.

O dentista brasileiro está entre os três melhores do mundo, de acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU). Por que? Porque ele atende um público muito exigente, que é o brasileiro, preocupado com bons tratamentos e com a aparência estética do sorriso. Os brasileiros são referência em procedimentos como facetas de porcelana e clareamento dental, tratamentos relacionados à odontologia estética. Além disso, o Brasil abriga quase 20% dos profissionais de odontologia no mundo, exportando técnicas e servindo como referência para os demais. “Isso explica porque tantos estrangeiros vêm ao Brasil em busca de atendimento odontológico de qualidade”, conclui a Dra. Valeska.

Pânico de dentista: um método exclusivo para atender pacientes com odontofobia

medo de dentista
Medo de dentista: conheça como começou, em 2011, o trabalho inovador da Dra. Valeska Roverso.

Dentes saudáveis são fundamentais para um sorriso bonito e confiante. Sem este sorriso, a autoestima da pessoa é prejudicada e, muitas vezes, sua vida profissional e sentimental é bastante afetada. Este é um dos problemas que enfrentam as pessoas que sofrem de pânico de dentista. O nome disso é odontofobia. Com medo do dentista, o que inclui o pânico de agulhas e motorzinhos, essas pessoas deixam seus dentes estragarem, sofrem com dores frequentes, seus sorrisos desaparecem e sua autoestima chega ao fim do poço. Foi pensando neste público especial que, em 2011, a Dra. Valeska Roverso Correa desenvolveu um método até hoje inovador, seguro e muito eficaz de tratamento odontológico sob sedação – acessível mesmo para os pacientes mais humildes. Em um único dia, seus pacientes especiais passam por todos os tratamentos dentários necessários, sem sentir dor e sem lembrar de nada. Eles acordam com uma “boca nova”, prontos para uma nova vida.

Você se lembra como estava nossa vida em 2011?

Bom, foi um ano incrível que entrou para a história do Brasil e do mundo. No cenário internacional, 2011 ficou marcado, por exemplo, pelo fim da guerra no Afeganistão e pela morte do terrorista Osama Bin Laden. Foi também quando o mundo assistiu, pela TV, a um casamento típico dos contos de fadas, na Inglaterra, entre o príncipe William e a jovem Kate Middleton. No Brasil, foi o primeiro ano do mandato de Dilma Rousseff, primeira mulher a ocupar este cargo no País. Além disso, também neste ano foi anunciada a abertura da Copa do Mundo do Brasil para o dia 12 de junho de 2014, em São Paulo (SP). Personalidades inesquecíveis faleceram neste ano, como a atriz Elizabeth Taylor; a cantora Amy Winehouse; o fundador da Apple, Steve Jobs; o ex-jogador da seleção brasileira de futebol, Sócrates; e o carnavalesco Joãozinho Trinta.

O primeiro paciente atendido sob sedação pela Dra. Valeska

Foi em meio a este cenário que o paulistano Alexandre Rodrigues, de 40 anos, enfrentou uma crise fortíssima de Síndrome do Pânico, um transtorno de ansiedade no qual a pessoa sofre crises de desespero e medo intenso de que algo ruim aconteça, mesmo que não haja motivo para isso ou sinais de perigo iminente. É uma doença complicada, com várias implicações, como destruir a autoestima da pessoa e prejudicar seus relacionamentos pessoais, amorosos e profissionais. Como resultado, ele até perdeu seu emprego. Para complicar, sua doença também acentuou seu pânico de dentista, que já vinha de muitos anos. Neste momento, uma dor de dente muito forte obrigou Alexandre a fazer algo inédito: procurar um consultório odontológico para acabar com seu sofrimento. E, por indicação de um conhecido, foi procurar a Dra. Valeska.

Na época, a Dra. Valeska já atuava no mesmo consultório atual, no Jardim dos Lagos, na zona Sul da capital paulista. Já eram 16 anos naquele endereço, oferecendo todos os tratamentos odontológicos existentes – menos o tratamento sob sedação tradicional, encontrado em algumas clínicas. Até hoje, o tratamento tradicional, que utiliza óxido nitroso para sedar os pacientes, é muito caro (só a aplicação do gás custa entre R$ 2.500 e R$ 3.000, fora os tratamentos realizados). Quando Alexandre chegou ao consultório, com fortes dores e a boca inchada, ele se recusou até a sentar na cadeira de dentista. Em pé, e muito rapidamente, deixou apenas a Dra. Valeska examinar sua boca superficialmente. A profissional nada pôde fazer, além de receitar medicamentos como analgésico, antiinflamatório e antibiótico, que resolveriam aquela crise apenas por algum tempo.

“Apesar de todos os anos de estudos dentro da odontologia, me senti de mãos atadas naquele momento por não conseguir eliminar os problemas do Alexandre”, afirmou ela. Além do dente infeccionado, ele estava com vários outros dentes estragados, incluindo os dianteiros. Ele sorria com a mão na boca, de vergonha. Tudo isso contribuía ainda mais para a crise pessoal que ele vivia. E ele não tinha a menor condição financeira para arcar com o custo da sedação com óxido nitroso. “Naquele dia, eu resolvi pesquisar outra forma de atender este tipo de paciente com segurança e por um preço acessível”, disse a Cirurgiã-Dentista.

Em busca de aperfeiçoamento para criar um método exclusivo

Com este objetivo, a Dra. Valeska foi em busca de novos conhecimentos. Durante cerca de um ano, teve aulas de psicologia e psiquiatria, para entender os tipos de pânicos existentes e as opções de medicamentos utilizados para tratá-los. Ela também teve aulas da farmacologia, buscando conhecer mais profundamente estes medicamentos e descobrir outros que poderiam ser utilizados no seu trabalho. Seu desafio era montar um método seguro e eficaz para tratar pacientes com pânico de dentista que acabasse com a dor dos procedimentos (como agulhas e motorzinhos) e que acalmasse totalmente seus pacientes durante horas. Ao final de seu estudo, ela descobriu mais de 20 medicamentos que poderiam ser utilizados neste trabalho, de acordo com o perfil de cada paciente.

E, com muita resistência, ela conseguiu que Alexandre aceitasse se submeter ao seu novo tratamento para resolver de uma só vez, e sem sofrimento, todos os seus problemas odontológicos. Depois de uma entrevista detalhada para definir o perfil dele, conhecer as medicações que ele já utilizava e de alguns exames, a Dra, Valeska definiu a medicação adequada para aquele caso. No dia agendado, já na cadeira de dentista, Alexandre tomou uma medicação via oral e relaxou completamente menos de uma hora depois. A maioria dos pacientes dorme com a medicação. Mas os raros pacientes que não adormecem permitem o tratamento dentário sem pânico e sem sentir nada. Sem dores. Sem estresse. O preço dessa sedação desenvolvida com exclusividade pela Dra. Valeska: cerca de R$ 600,00. Durante seu efeito, que chega a quase três horas, ela consegue realizar todos os procedimentos odontológicos necessários. No caso de Alexandre, por exemplo, foram tratadas cáries, foram feitos canais de vários dentes, algumas extrações, foram colocados implantes e coroas estéticas e foi realizada uma raspagem gengival para remoção de tártaro e manchas, tornando seu sorriso muito mais claro – os dentes clarearam dois tons na escala de tonalidades, o que é bastante significativo. Quando ele recobrou totalmente os sentidos, estava relaxado e não se lembrava de nada.

Tratamento recuperou autoestima de Alexandre

No dia seguinte, com a boca completamente “nova”, voltou ao consultório emocionado, somente para agradecer ao trabalho desenvolvido pela Dra. Valeska. Com o tratamento, ele recuperou sua autoestima, seu emocional foi equilibrado e até arrumou um emprego novo. Hoje, ele está curado e vive uma vida normal.